Fantasmas, trincheiras e arma na mão

Trincheira e arma na mãoO presidente da CUT, Vagner Freitas, declarou que devemos “nesse momento ir para as ruas entrincheirados com arma na mão se tentarem derrubar a presidenta Dilma Rousseff”.

Estranho que o presidente da CUT jamais convocou os trabalhadores para se entrincheirarem com armas na mão contra o PPE, programa que reduz carga horária com redução de salários; contra as MP’s 664/665, que retiram direitos como seguro desemprego; contra o PL 4330, da Terceirização; e pelo fim do Ajuste Fiscal e cortes de verbas públicas, feitos por Dilma. Continuar lendo

Anúncios